Dia 1, inicio do desabafo.

Muitos dias vejo a vida exatamente como aparece na imagem de abertura do blog, não vejo foco. Muitas vezes não vejo porque não quero, dói ver meu castelo desmoronando. Outras vezes não consigo ver, a tormenta na cabeça é tanta que minha vista turva.

Tenho vontade de chorar, mas não choro, não há lágrimas, estou seca. Tenho vontade de explodir, mas não consigo, a polvora interna secou.